4.12.09

Afastados pro cantão

Afastados pro cantão

Calor, suor, cansaço, subir a ladeira atrás de casa não é coisa de atleta, pois sou mais um simples morador, desse enorme país chamado Brasil periferia. Eu juro procê, já me imaginei morando no Morumbi, Pinheiros, Moema, Campo Belo, Chacará flora, e tantos outros bairros da nossa " querida" classe média-alta ( pessoas para qual trabalhamos e somos explorados diariamente), mas na verdade não ficaria a vontade, em bairros como esse não, gosto mais da periferia. Quando abro os olhos minhas opções são: Vila guacuri, Vila Joaniza, Vila missionária, Jardim Miriam, Vila Clara, Vila Élida etc. A alta do IPTU, e de tantos outros impostos, vai fazendo com que os aluguéis, fiquem mais caros, e consequentemente, as casas para locação vão ficando mais escassas, para quem recebe um salário mínimo e meio que nem eu e minha esposa. Procurar casa é um verdadeiro desafio, pra nós que moramos aqui e não recebemos o CDHU do Serra, nem a COHAB do Kassab, que em suas campanhas políticas, são puro marketing. Na televisão a propaganda é muito bonita, muito expressiva, mas quando se lê no rodapé da tela, se note que o que eles querem é nos afastar pro cantão. O centro não é a idéia, a idéia é se afastar, trabalhador não pode morar no centro, nem mesmo no centro de seu bairro. Não estou reclamando de morar na periferia, pois aqui tem muita gente minha, gente de valor, por quê a real da vida, é quando se olha pra um catador de papelão, e ao invés de ele olhar pra você com cara amarrada, pergunta de seu time do coração ou interroga se vai chover.
Ladeira vai, ladeira vem, pergunta daqui, pergunta dali, e uma colega da minha esposa, fala de uma casa que esta pra alugar, perto da sua, o bairro é o Monte Líbano, Vila Guacuri. La fomos nós, eu com um pé no Jardim Miriam o outro no Monte Líbano. Cheguei no lugar e vocês já sabem, periferia é periferia em qualquer lugar, morro, viela, favela e eu no meio dela, indo conhecer meu futuro lar. Eu pior que menino emburrado, e minha esposa empolgada com a casa, eu não querendo sair do Miriam e minha esposa pensando em sua nova casa.
A casa é modesta, três cômodos, laje com vista pra favela, varanda com vista pra rua, e eu sonhando com uma casa no Jardim Miriam. Morei durante 15 anos de minha vida no Jardim Miriam, e hoje com 21, vou me mudar pro Monte Líbano, um enorme vazio por ter que sair do Miriam, mas recebendo o Monte Líbano de braços abertos. Depois de muita insistência acabei aceitando ir morar lá, aluguel mais barato, mais espaço pra morar. Hora de preparar a mudança e ir pro novo lar em breve. É jão o povo é sempre afastado pro cantão, e mesmo assim continua caminhando de cabeça erguida, buscando um bom lugar, um bom lugar pra se morar.

Renato Vital Poeta, Escritor, Rapper em breve morador do Monte Líbano.

2 comentários:

conteudo da rua disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
conteudo da rua disse...

salve terorista das palavras sumemu tru tamo siempre na sintonia boa suert ai na nova quebrada nego..tu ta arrembentando nas escrita sumemu...