25.6.08

Comigo mesmo

Meu abrigo
É lembrar do seu rosto sorrindo
Me apegar aos meus pensamentos
Pra não ter noção da realidade
Que é dura e amarga
Mas se a lembrança de você
Tira um sorriso do meu rosto
É por quê aqui
Nada sobrou dos sentimentos ruins
Só ficou mesmo
O que é bom
Ele se mantém aquecido
Meu coração
E as vezes
Quero estar sozinho
Distante de outras pessoas
Pra ficar relembrando de nós
E dando risada sozinho
Não por quê sou louco
Mas sim por que isso me faz bem
E tráz alegria pro coração

2 comentários:

Anônimo disse...

Olá Renato!
Muito bom!
Abraços!
De Lourdes

joãozinho. disse...

ae irmão, parabens pelo trabalho
n para com as cartas bombas pro sistema naun , leva fé
salve salve

joãozinho,
grupo Gpb R2 . Pq rap é oque Há.
Garopaba/SC